Nossa História

Os antecedentes do surgimento do Comitê Latino-americano e do Caribe para a Defesa dos Direitos da Mulher - CLADEM remontam à III Conferência Mundial da Mulher das Nações Unidas (Nairóbi 1985), na qual se observou a necessidade de articular estratégias regionalmente, dado que os problemas das mulheres eram similares e, portanto, trabalhando juntas poderíamos potencializar a incidência.

É assim que, com a finalidade de unir nossos esforços para melhorar a condição e situação sóciojurídica das mulheres de nossa região, constituímos o CLADEM em 3 de julho de 1987, em San José da Costa Rica, e no ano de 1989 se procede à constituição legal do CLADEM em Lima, Perú.

O CLADEM é uma rede feminista que trabalha para contribuir à plena vigência dos direitos das mulheres na América Latina e Caribe, utilizando o direito como um instrumento de mudança. Conta com status consultivo na Categoria II perante as Nações Unidas desde 1995 e goza de reconhecimento para participar nas atividades da OEA desde 2002.

Nossa visão e missão

Visão:

Contribuir, a partir de uma perspectiva feminista, à construção de democracias reais com justiça social, livres de discriminação com exercício pleno dos direitos humanos.

Missão

O CLADEM é uma organização regional que articula pessoas e organizações feministas da América Latina e do Caribe. Desde um enfoque jurídico-político, busca contribuir à transformação social e à construção de democracia radicais, a partir de uma perspectiva de interseccionalidade, que reconhece a diversidade cultural, étnico-racial, sexual e social, para o pleno exercício e desfrute dos direitos humanos das mulheres.

Nossos objetivos

O CLADEM incide na defesa e promove a exigibilidade dos direitos humanos das mulheres na região com uma visão feminista e crítica do direito, mediante o litígio internacional, o monitoramento aos Estados, e o fortalecimento da capacidade de suas integrantes para a análise e argumentação jurídico-política, a concertação de agendas e o desenho de estratégias e cursos de ações para a ação política local e regional.